Topo
Câmara Municipal de Quixadá-CE - Poder Legislativo

O QUE VOCÊ PROCURA?

Posts

Brasil lança agenda de ações para combater abuso infantil durante a Copa



A Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República lançou, nesta quarta-feira (12), a Agenda de Convergência para a proteção de crianças e adolescentes durante a Copa das Confederações e a Copa do Mundo de 2014. Durante o evento, que aconteceu no Rio de Janeiro, a ministra Maria do Rosário anunciou que cerca de mil conselhos tutelares de todo o País serão reequipados ainda este ano.

As melhorias vão começar pelos 82 situados nas seis cidades-sede da Copa das Confederações, incluídos em um total de 500 que serão reequipados antes do evento. Cada unidade beneficiada receberá 1 carro, 5 computadores, 1 impressora multifuncional, 1 refrigerador e 1 bebedouro.

Os conselhos funcionarão em sistema de plantão durante e depois dos jogos. O trabalho contará com representantes do Ministério Público, da Defensoria Pública, das Varas da Infância e Juventude e dos Conselhos Tutelares, com coordenação da Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República e do Conselho Nacional dos Direitos da Criança e do Adolescente.

Para o ano que vem, a meta é construir conselhos tutelares de referência nas capitais antes da Copa do Mundo, com recursos e planta fornecidos pelo governo federal, em terrenos cedidos pelas prefeituras.

“Esses conselhos são espaços projetados para terem essa acolhida a crianças e suas famílias como espaços de proteção, porque muita gente pensa que conselho tutelar é polícia, mas não é polícia”, explicou Angélica Goulart, da Secretaria Nacional de Promoção dos Direitos da Criança e do Adolescente.

Disque 100

Durante o lançamento da Agenda, Maria do Rosário afirmou que considera as melhorias fundamentais para atender o crescimento dos chamados pelo Disque 100, número para denunciar a violência contra menores.

“Em 2011, recebíamos 80 telefonemas por dia com denúncias de abusos contra crianças e adolescentes. Hoje, recebemos 1,2 mil por dia no Disque 100. Só estamos conseguindo atender a essa demanda porque estamos fortalecendo quem efetivamente vai ao local conferi-la: as prefeituras e os conselhos tutelares”, disse ela.

Final de página