Topo
Câmara Municipal de Quixadá-CE - Poder Legislativo

O QUE VOCÊ PROCURA?

Posts

Audiência discute saúde no município de Quixadá



A saúde de Quixadá e seu atual momento. Assim foi o tema da audiência realizada  nessa Quinta 13 no plenário Dolor de Góes, na Câmara Municipal de Quixadá que ainda contou com a presença de várias autoridades, dentre elas a atual secretária de saúde Dra. Nerilene Nery, o representante da Policlínica Sr. Elisfábio Duarte, a Dra. Edilei Lopes HMJMJ, Dra. Benedita 8ª CERES, Sra. Lúcia representando os agentes de saúde e demais vereadores.

Na composição da mesa os vereadores Laércio Oliveira, Audénio Moraes e presidida pelo presidente da Câmara, o vereador Pedro Baquit.

Na fala dos convidados, a união seria a saída para o melhoramento do sistema de saúde, o representante da Policlínica ressaltou as deficiências no funcionamento do instrumento decorrente da falta de calibragem de vários equipamentos, mas que o problema está sendo resolvido e brevemente todos esses equipamentos e as especialidades estarão funcionando normalmente.

Ocupando a tribuna, o vereador Kleber Júnior ressaltou o aumento do percentual de recursos de 27% para 34%, ou seja de R$ 900.000,00 (novecentos mil reais), para cerca de R$ 1.700,00 (Hum milhão e setecentos mil reais) e mesmo assim, a saúde segundo o vereador, não está funcionando adequadamente.

Já a vereadora Rosa Burití, enveredou pelo mesmo discurso, destacou a situação difícil que se encontra o sistema de saúde municipal, assumiu uma postura de cobrança, citando inclusive uma entrevista concedida a rádio Cultura, onde o prefeito João na oportunidade admitia várias dificuldades na condução do sistema saúde municipal, e por conta disso, contratou uma profissional em gestão.

O vereador Audênio Moraes, também pediu a união de forças e cobrou inicialmente a abertura da CPI da saúde, sugeriu a nova secretária uma parceria com o Dr. Ricardo Silveira, para se buscar a definitiva resolução sobre o instituto do coração e o do câncer.

Kelton Dantas pediu uma ação mais rápida na resolução dos problemas e afirmou que a Câmara adotará uma postura mais fiscalizadora na defesa dos interesses sócias, pediu ainda o imediato funcionamento do tomógrafo do hospital Eudásio Barroso.

Luís do Hospital ressaltou em sua participação, a falta de contra partida do município nas obras recém-inauguradas em Quixadá, fazendo uma referencia a Policlínica e a UPA, um processo mais transparente no tocante aos recursos públicos gerenciados pelo município seria necessário.

O vereador Capitão pediu à secretária que não baixe a cabeça, pois a secretaria de saúde precisa de um gestor de pulso e que não seja manipulado, coisa que segundo o vereador vem acontecendo atualmente, falou da atual condição da saúde e pediu a instalação da CPI da saúde.

O presidente da casa Pedro Baquit disse em seu pronunciamento que a Câmara e toda classe política deve neste momento unir-se para que as saídas para as dificuldades aconteçam, o vereador encerrou suas palavras dizendo que não é da turma do quanto pior melhor, não é o seu papel e muito menos da sua família, vai fazer o possível para que Quixadá possa viver dias melhores, todos de mãos dadas pra que as coisas assim caminhem, finalizou parabenizando a nova secretária de saúde municipal.

Final de página